Thaiane mayara

Minha foto
Meu nome é Thaiane Mayara,tenho 19 anos Signo:Peixes Uma frase:Que tamanho tem o universo? O universo tem o tamanho do seu mundo. Que tamanho tem o meu mundo? Tem o tamanho dos seus sonhos.” (Augusto Cury) Um autor:Nicolas Sparks Uma Atriz:Laura Cardoso Um ator:Jaime Camil Um filme: Um amor para Recordar Uma música:Pais e filhos Um livro:O Pequeno Príncipe Prato favorito:Pirão Um vício:escrever Eu amo:Escrever Eu odeio:Hipocrisia Momento Inesquecível em sua vida: Meus 15 anos Um Sonho: Conhecer Paris Um cantor: Jack johnson Uma cor: Branco

Quem sou eu?

domingo, 12 de abril de 2015

O Desapego

 






  Em um certo momento das nossas vidas,vã o surgindo pessoas que deixam a sua marca registada em cada um de nós.E o apego é algo que surge inesplicavelmente.Ele vai surgindo como quem não quer nada e acaba fisgando um dos mais frágeis orgão do corpo humano que se chama coração,pois quanto mais se convive com a pessoa  que nós gostamos mais tempo queremos passar com ela.

     E a cada passo que damos é como se essa pessoa estivesse nos perseguindo,como se estivesse em cada coisas que nos fazemos ou em cada música que ouvimos,como se o mundo não houvesse sentido sem ela.É a partir daí que precisamos praticar a lei do desapego.Lei que para algumas pessoas é difícil de praticar,mas não impossível.É preciso aceitar aceitar que nem sempre podemos ter as pessoas que tanto queríamos ao nosso lado.É preciso mudar.Adaptar-se as mudanças que não é uma tarefa muito fácil.É preciso desapegar.Desapegar-se não significa apagar as pessoas da nossa história,muito pelo contrário,cada um deixa algo que nos serve de aprendizado,nos ajuda a escrever os capítulos na nossa própria história e virse-versa, por isso elas nunca serão apagadas,pois sempre há um pouco delas em cada um de nós,assim como há um pouco de nós dentro delas,mas é necessário deixar elas seguirem em frente e nós também e deixar que outras pessoas deixem a sua marca.Ninguém entra na sua vida por acaso,aliáis nada na vida é por acaso.

      Na vida, é preciso seguir em frente e deixar que as coisas aconteçam naturalmente.Assim como o sol se põe para que a lua venha iluminar a noite.Temos que nascer e renascer novamente,sem medo de ser feliz. É preciso invertar-se e reiventar-se sempre.É preciso.Sim,precisamos.E nós podemos.

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Tenha Fé



      
                                                          

         Se algum dia você acordar saudável . E se nesse mesmo dia , avistar um belo céu ensolarado e mesmo assim , você estiver se sentindo melancólico , triste , sem motivação ou vontade de viver. Talvez esteja lhe faltando uma coisa: Fé.


         A Fé é mesmo algo fascinante. É algo inexplicavelmente inexplicável. Um sentimento que você nem sabe como surge, mas que é capaz de te levantar , te reerguer , te inventar , te reinventar. Capaz de nos fazer acreditar nos outros e em nós mesmos.Isso me faz lembrar de uma cena do filme: Um amor para Recordar(nunca me esqueço dessa cena). Ela  é bem assim:Landon Carter , entra na igreja para pedir permissão ao pai da Jamie(O Reverendo) , para que ela lhe acompanhe para sair no  sábado à noite . O Reverendo responde:

É impossível!
Landon pensa um pouco, mas não desiste e pede:
 Só peço aquilo que o senhor  nos ensina todos os dias na igreja, Tenha fé!
E assim, o pai da Jamie , concede a permissão de deixá-lo sair com sua filha. E pode ser exatamente isso que esteja faltando nas pessoas.Elas terem fé nelas e uma nas outras.

        Por isso , se algum dia você estiver triste , melancólico , sem forças, seja por algo que tento planejava e acabou dando errado ou porque tirou estudou tanto para aquela prova e tirou uma nota baixa ou por não ter passado no vestibular.Eu só te peço uma coisa, Tenha Fé!

        
        Se algum dia você estiver triste , melancólico , sem forças , pois está se sentindo sozinho ou sobrecarregado com os problemas da vida . Seja por um amor ou alguém próximo que já se foi.Por está enfrentando alguma doença ou vendo uma pessoa quem tanto ama enfrentado-a. Por laços que se deslaçaram , momentos que já passaram e não voltam mais , por um sonho não realizado ou seja lá qual for. Eu só te peço uma coisa , Tenha Fé!
          
          Quando temos fé , é como se a vida tivesse sempre renascendo, que nem aquela música:"Pra quem tem fé a vida nunca tem fim"(Anjos , Pra quem tem fé - O Rappa). E acredite , ela nunca tem fim mesmo (pra quem acredita). E se você não acredita , eu sou te peço uma coisa ,Tenha Fé!
 
           


          



         

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Lembranças de uma menina

                                                           
                                                                       

                                   (Eu com meus primos e minha irmã no Matadouro)
  
      Quando ouço um silêncio. O silêncio de um vazio , volto a me lembrar daqueles bons e velhos tempos. Daqueles tempos de menina . Daquela menina que fui , quando eu era criança.
       
      Quando eu era criança costumava olhar o Luar , acreditava que ali naquele redondo satélite brilhante existia algo mágico.Eu era encantada pela lua , como se ela me inspirasse igual aos filmes de aventura que você tem que resgatar algo que você nem sabe onde encontrar. Filmes , esta aí outra coisa que eu era encantada. Lembro-me que no quintal da minha antiga casa , inventava  várias histórias onde eu poderia ser qualquer personagem que  quisesse. Era um lugar onde tudo podia acontecer.Lembro-me também da manhãs frias que eu levantava da cama , pegava o meu edredom e ia para sala , assistir aos  meus desenhos , desejando um delicioso chocolate quente.
       
      Quando eu era criança sonhava em ser bailarina , médica , professora , modelo , artista.Sonhava em ser tudo , mas nunca chegava a conclusão de nada . Sonhava em conhecer Paris , viajar para todas as capitais brasileiras , ter uma casa na árvore , passar de ano e nunca reprovar , tirar boas notas , ganhar presentes do Natal , ser adulta e trabalhar logo e tantos outros sonhos.Brincar de sonhar , era isso que  mais gostava de fazer na vida.Eu também gostava de brincar na rua de lá do  Matadouro(Bairro onde a minha vó morava e os meus pais e tios se criaram.) Brincávamos de polícia e ladrão , queimado,Power Rangers , pega-pega. Ninguém gostava de ser café-com-leite , inclusive eu .Lá  existia um trilha de trem e toda vez que o trem passava , morria de medo do que tinha dentro , imaginava que ali haviam fantasmas.O medo aumentava quando Nenê chegava de Monte Alegre(interior de Sergipe) e contava as histórias da mula-sem-cabeça ,lobisomem , certa vez ela disse que havia conhecido um lobisomem , era cada  história mais aterrorizante do que a outra. Bons tempos eram aqueles em  que eu , minha vó , minhas primas e outras figuras do  Matadouro , pegávamos nossas cadeiras e ficávamos conversando horas e horas .No Matadouro eu aprendi a andar de bicicleta sem rodeirinhas , aprendi a ser criança. Foi lá que eu passei os melhores momentos da minha infância.
        
      Quando eu era criança acreditava em um mundo melhor , aliás quando criança não , ainda acredito em mundo melhor , assim como  também acredito que na lua existe algo mágico , como ainda sonho em conhecer Paris , ter uma casa na árvore e entre outros tantos sonhos.Nunca deixei de acreditar neles. Nunca deixei de acreditar naquela menina que eu fui.Naquela menina que sou e naquela menina que eu sempre serei.





E você? Quais são suas lembranças da sua infância

        
     

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Ser diferente é legal

                                                         




    Ao longo da vida , várias pessoas passam em nossas vidas.  Existem umas que aparecem e como quem não quer nada se tornam especiais .Já outras que até preferíamos nunca ter conhecido , mas que em algum momento da vida ,foram preciso conhecê-las para um processo chamado de: Amadurecimento pessoal.

   Amadurecer.Crescer.Evoluir.Processos que são inevitáveis para cada um de nós. Quando amadurecemos , logo crescemos e quando a gente cresce ,evoluímos. E para evoluirmos é necessário que saibamos lidar com cada momento da nossa vida , e principalmente com as pessoas que passam por ela . Lidar com pessoas , não é bem lá uma tarefa muito fácil , pois cada ser humano é ímpar. E é justamente por sermos ímpares que muitas vezes , acabamos não concordando com algumas atitudes da outra ,pois cada um tem a sua maneira de agir e pensar, por isso, é necessário respeitar o espaço do outro.


   Quando agimos com respeito (sem julgamentos) percebemos que ali .Bem ali, naquele estranho ser ímpar, existe algo mágico , diferente de tudo já vimos, tornando as diferenças um maior barato.Já imaginou como seria um mundo todo igual? Um mundo onde: todo dia fosse sexta-feira,todo mundo falasse a mesma língua,todo mundo gostasse de todo mundo ,todo mundo fosse igual a todo mundo.Até que não seria  uma má ideia se esse tal mundo existisse, mas logo se tornaria um mundo muito chato, sem graça , monótono.

    Que chato seria seria se todos falassem a mesma língua , sem que nós pudéssemos conhecer outras línguas .Que sem graça seria se todo mundo fosse igual a todo mundo, não poderíamos discutir as diversas opiniões sobre um determinado assunto. Que monótono seria se todo dia fosse sexta-feira , todo dia fizéssemos as mesmas coisas e  nem sequer teríamos a segunda-feira(pobre segunda)para criticá-la , mas se nós morássemos nesse mundo , logo sentiríamos falta da tão odiada segunda-feira.

    Tudo seria igual.Ainda bem que moramos em um mundo onde podemos ser nós mesmos , cada um com suas diferenças ,é claro , e sempre aprendendo com elas , em um mundo onde a  diferença é uma arte .Ser diferente é uma arte.Uma arte bem legal por sinal.
     




quinta-feira, 13 de junho de 2013

E se tudo tivesse dado certo?


   
     Ás vezes eu fico me perguntando: O que teria acontecido se...tudo tivesse dado certo?Bem, se tudo tivesse dado certo  eu não estaria escrevendo esse texto nesse exato momento.

     Se tudo tivesse dado certo ,talvez eu não seria a pessoa que sou hoje. Poderia até ter me tornado uma pessoa melhor ou pior , não sei.

     Se tudo tivesse dado certo , você estaria aqui comigo , agora . Talvez estaríamos cantando , dançando , viajando , conversando sobre os nossos filmes , músicas e séries prediletas ou quem sabe conversando o resumo de tudo o que aconteceu durante o nosso dia.Seríamos um casal perfeito ou quase perfeito , também não sei.

     Eu até teria me conformado de ter feito aquilo que não fiz . Teria me declarado , amado mais , ter visto o sol se pôr , que nem aquela música do Titãs. Pois é , teria. Não posso mais . Já não tenho mais tempo , e o pouco tempo que me resta , já não me resta mais nada.

    Mas eu volto a me perguntar: E se tudo tivesse dado certo?Se tivéssemos dado certo , poderíamos ter dado errado.Como irei saber?Se nada teria acontecido?Possa ser que eu guarde essa dúvida pro resto da minha vida , mas bem que poderíamos ter dado certo.Bem que poderíamos. Sim, poderíamos...

sábado, 8 de junho de 2013

Parabéns , Mãe!!


      Mãe , gostaria de dizer que tenho uma imensa admiração pela senhora , esse seu jeito menina-mãe de ser , que embora com apenas 17 anos de idade se tornou mãe . Que apesar da pouca idade não deixou de  lado as responsabilidades encarou essa nova fase como uma verdadeira mulher . 
     
      Admiro essa mãe cuidadosa que a senhora é , que sempre está ao lado dos seus filhos . Quando eles choram ,  a senhora chora com eles . Quando eles sorriem ,  sorri com eles . Quando eles Pulam de alegria , pula ainda mais alto com eles . Pula e vibra por cada conquistas deles . Se alguém me perguntar :Quem a melhor amiga? Responderei sem titubear:Minha melhor amiga é a minha Mãe!

      É ela que irá me acolher quando eu mais precisar .É ela a minha companheira de conversas que sempre tem uma palavra amiga para me dizer . Minha verdadeira confidente . É incrível como em  uma simples conversa com ela , transforma-se em um verdadeiro Bate-papo . É incrível essa segurança e simplicidade que ela tem de se comunicar com as pessoas que para algumas pessoas demorariam dias para transmitir essa segurança e simplicidade .
      
    Não admiro somente a Maria de Fátima mãe , mas também a Maria de Fátima filha , esposa e amiga .
Parabéns, Pelo seu dia! Que muitos e muitos anos venham e que nós possamos nos encontrar em outras vidas e que de preferência sejamos filha e mãe , pois é muito bom tê-la como mãe! 

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Autoestima

                                                                 
       
    Imagine-se está fazendo uma viagem em um país desconhecido , à medida que vai se passando os dias , você  acaba levando na bagagem , os lugares , a cultura  , o povo , que até então era desconhecido, ou seja , você acaba descobrindo aquele país e parte do mundo que antes era tão pequeno .
      
     Da mesma forma que acontece quando fazemos uma viagem ao desconhecido , podemos também fazer uma viagem dentro de nós . É o que podemos chamar de : Autoconhecimento.
 
     Autoconhecimento significa: Conhecer a si próprio . E para nos conhecermos , basta  permitirmos viajar dentro de nós . Cada pessoa tem os seus defeitos e as suas qualidades e geralmente , quando buscamos fazer o nosso autoconhecimento , costumamos apontar os nossos valores e virtudes como pontos positivos e os nossas falhas e erros como pontos negativos . Mas não é somente apontando os nossos pontos positivos e negativos que já sabemos quem somos . A  viagem é muito longa . 
 
    A pessoa para se autoconhecer é necessário que ela seja verdadeira consigo mesma . Mostrar para as pessoas e para o mundo quem realmente são , dessa forma ela estará sendo honesta e encurtará ainda mais essa viagem que talvez nunca tenha fim , pois a cada dia que vivemos , estamos nos descobrindo e redescobrindo cada vez mais  melhorando assim , a nossa autoestima .
   
    Melhorando a nossa autoestima , nos sentimos mais leves , mais alegres ,confiantes , mais vivos. Enfim , ficamos em paz com nós mesmos . E quando estamos em paz  , acabamos atraindo as outras pessoas , através da nossa carga de energia positiva , quando estamos em guerra , acabamos afastando as pessoas , pois quem ficará perto de alguém com carga energética negativa? Acaba acontecendo uma troca  de energia , por exemplo: Uma pessoa que está mal , acaba passando uma má energia para outra .É recíproco . E quando ela está mal ou em guerra com ela mesma , acaba ficando com menos disposição , com tristeza , desacreditando nela , causando uma baixa autoestima .
      
    Através da baixa autoestima , surge o medo de como ela é vista pela sociedade . O medo das  pessoas  a julgarem por ser como ela é , por não ter um padrão de beleza adequado , desestimulando essa pessoa a não querer ter vontade de viver .
      
    Não podemos deixar de viver porque somos mal vistos pela sociedade . Ninguém tem o direito de julgar ninguém . Somos todos livres e iguais . Um indivíduo que hoje julga o erro do outro , amanhã poderá ser ele cometendo o mesmo erro . Quem somos nós , afinal ?

    O que devemos fazer é acordar a cada dia e termos um motivo para continuarmos vivos e acreditar que somos capazes de contribuir para o mundo . Olhar no espelho e dizer: Eu me aceito do jeito que eu sou ! E continuarmos , seguindo nessa infinita viagem pelo autoconhecimento , pois é o que nos move .
   
   

   

sábado, 20 de abril de 2013

A Minha Felicidade





     Um dos  maiores segredos da humanidade talvez seja o segredo da felicidade. É  como se cada passo , cada obstáculo que passamos em nossas vidas , valessem a pena , acreditando que um dia alcançaremos e descobriremos esse tão secreto segredo .
Mas o que é a felicidade? Felicidade pra mim é acordar bem. Bem disposta e saudável para mais um dia de vida . É estar com quem eu mais amo, olhar para os lados e perceber que não estou só , que posso contar com a minha família e meus amigos.
    
     Ser feliz pra mim é poder chegar da escola , entrar no meu quarto e encontrar um folha de papel em branco e transformar aquele simples papel em branco , no meu altar particular , no meu conto de fadas ,onde tudo pode acontecer. É poder assistir ao meu filme favorito , saboreando uma deliciosa pipoca e de preferência com bastante leite condensado. Escutar a minha música predileta em alto volume e cantar. Cantar para que o mundo todo escute. É cometer algumas loucuras de vez em quando , até porque , como já  dizia Bob Marley: ''Para que levar a vida tão a sério , se a vida é uma alucinante aventura da qual jamais sairemos vivos?
      
    Ser feliz pra mim é acordar a cada manhã  e desejar um ''Bom Dia'' pra uma pessoa e ela me retribuir com um sorriso. É sair por aí , multiplicando vários sorrisos e descobrir que foi você o motivo de cada um deles. É amar , sem ter vergonha . Amar uma pessoa que você sabe que talvez nunca poderá tê-la , mas que mesmo assim te faz feliz , pelo simples fato de está amando. É errar , cair , tropeçar. E que cada erro , tropeço e queda , sirvam de exemplo para me erguer , para que finalmente um dia eu chegue a acertar.
    
   Enfim , o que me deixa feliz , é fazer algo de bom para o mundo. É ter fé. Ter fé em Deus , na vida , em  mim , na humanidade , pois sem fé  nós  não somos nada. Isso sim. Isso tudo. É a minha verdadeira felicidade.


E pra você? O que é a felicidade?

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Reparação



   Certo dia estava eu , minha prima e minha mãe na varanda de um prédio . Estava uma noite linda . O brilhante do luar , das estrelas , tudo encantava. Mas não eram as estrelas , nem mesmo o brilho do Luar que enchiam o olhar pensativo da minha mãe e sim as luzes dos condomínios. Olhava  cada um dos andares que haviam , atenta . Ela então , virou-se e nos perguntou:    Observem isto aqui , vocês não notam algo?
Eu e minha prima ficamos sem entender o que ela quis , perguntando aquilo. Ficamos procurando e nada de acharmos a resposta que a minha mãe tanto queria. Ela olhou para nós e falou: – Vocês não estão vendo esses prédios? Então...cada andar daqueles prédios existem pessoas de vários tipos , de várias personalidades , famílias e histórias , enquanto estamos aqui conversando , felizes e saudáveis , há pessoas que estão tristes , sozinhas , doentes , há várias lições de vida.
   
   Lembro-me que fiquei parada e ouvindo aquelas palavras sábias. A resposta que ela tanto queria , estava ali , bem ali em frente aos nossos olhos e nem percebemos. Talvez seja porque  a vida é passageira e não percebemos o que acontece ao nosso redor . E na maioria dos casos quando estamos com algum problema , achamos que não iremos resolvê-los e nem sequer paramos para pensar , que ao nosso lado , seja no condomínio  ou casa em que moramos , na escola , faculdade , no trabalho e até mesmo um passageiro que chega e senta ao seu lado no ônibus , bem ao seu lado , poderá ter uma pessoa com o mesmo problema que o seu ou até pior e mesmo assim o que fazemos é nos queixar .
    
   E quando notamos o quanto os nossos problemas ficam cada vez menores , diante as dos outros , nos sentimos envergonhados . Vergonha de tanto nos queixarmos e não nos movermos , nem fazemos um mínimo de esforço  para tentar solucioná-los. E é exatamente isso que devemos fazer , tentar solucionar os nossos problemas . Erguer a cabeça e não deixar nos abalar diante de uma dificuldade , pois depois de longos dias de tempestades ,  eis que vai surgir dias ensolarados . Um dia  que renasce, nós renascemos. Renascemos para mais uma conquista , para mais uma luta . Desistir? Desistir nunca!


quinta-feira, 18 de abril de 2013

A caixa d'água




      A vida é mesmo algo que me fascina , mas o que eu acho de mais fascinante nela, é o poder que ela tem de nos presentear , através de momentos . Há momentos que deveriam ter replay , já outros que eram melhor nunca terem acontecido antes , mas acredito que foram preciso acontecer para evoluirmos como seres humanos .

     Através dos momentos surgem as lembranças que ficam armazenadas em nossa memória , como se a qualquer instante pudéssemos reviver cada momento .

    Cada um de nós estamos sujeitos a reviver um capítulo de nossas vidas, pois as lembranças estão em toda parte . Elas estão nas suas músicas prediletas , como que se encaixassem em cada momento que já viveu . Elas estão no perfume que você sente , como também em algum filme que você assiste e ás vezes se pergunta : Essa não poderia ser a minha vida? Sim , essa poderia mesmo ser a sua vida .

    Mas o que tem a ver tudo isso com uma simples caixa d'água? Simplesmente tudo.Assim como um perfume que você sente , uma música que você ouve ou até mesmo em algum filme que assiste , a caixa d'água do condomínio Vale do Japaratuba me remete à várias lembranças .

    A princípio quando cheguei ao Vale do Japaratuba , o que me chamou mais atenção foi aquela caixa d'água não precisamente ela , mas sim as pessoas que estavam ao redor dela . Mas o que estariam elas fazendo ali ? Resolvi ir até lá . Sentei-me nela . Ali estavam alguns amigos em prosa . Eram risadas , brincadeiras , barulhadas , uma conversação que parecia nunca terminar , poucas foram ás vezes que me sentia confortável em algum lugar , mas aquele não era um lugar qualquer . Era um lugar especial . Lugar de tantos encontros entre amigos , que ali faziam juras de amizade eterna, com o também de  desencontros causados pelo corre-corre da vida . Cenário de tantos amores e beijos apaixonados. Há quem diga que os casais que ali passam não tem outro destino a não ser o altar . Ah! Se essa caixa d'água falasse!

   São tantos os lugares que passamos em nossas vidas, mas a caixa d'água sempre terá um lugar marcado nas minhas lembranças e acredito que também estarão na memória das pessoas que lá estiveram.

  Alguns anos se passaram e caixa d'água continua lá , vazia e abandonada por aqueles que ali estiveram.
A maioria já estão formados, casados e com a vida feita ou pelo menos quase feita , mas ela ainda permanece lá , à espera de novas histórias para serem contadas e por que não, recontadas?

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Meus 15 anos




   Qual garota nunca sonhou em ter uma festa incrível na qual ela pudesse recordar cada momento e  poder chamá -la de inesquecível?

   Qual garota nunca sonhou em ter ao seu lado um príncipe encantado no seus 15 anos igual aqueles dos filmes da Disney , que assistiam durante a infância em que se reuniam com outras meninas para brincar uma das suas brincadeiras prediletas a de "Ser Princesa'' imaginar por alguns minutos ser a Branca de Neve:

- Branca de neve ? Ah , não !


- Ah , Não ? Porque não ?

- Não , nananinanão . Eu não vou seu a Branca de neve ela morreu envenenada e eu não quero morrer envenenada !

- E a que tal a Bela ?


- Não ! A Bela não ! Ela casou com a fera e eu não quero me casar com a fera !


- E a outra Bela ?

- Outra Bela ? Que outra Bela ?

- A Bela adormecida !

- Ah , lembrei ! Não essa daí também não , aliás nenhuma das duas Belas uma casa com a fera e a outra só vive dormindo . Eu sou o que ? Múmia para ficar dormindo , é ?

- Tá , tá bom ! E a Cinderela ?

- Cinderela , Cinderela .... deixe eu pensar , tá bom eu vou ser a Cinderela

- Aleluia ! Até que fim DECIDIU , né ?

  Seria possível a brincadeira virá realidade ? Será ? Sim. Por que não ? Pergunto -me .

  Agora imagine o que se passa pela cabeça de uma criança que passou a infância assistindo aos vídeos de suas princesas favoritas até que chega uma certa idade chamada 15 anos em que ela poderá sair do seu mundo da fantasia e viver a sua própria realidade .

   Seu príncipe encantado aparecerá , conduzi-la com um gesto cavalheiro para uma curta e inesquecível valsa à meia-noite justamente no horário em que a Cinderela perdia o seu sapatinho de Cristal , mas essa história não é da Cinderela ? Estaria ela entrando como uma intrusa na história ?

  O seu sonho de menina realizava - se naquele momento , lá estava ela dançando valsa com o seu príncipe encantado , passos curtos porém inesquecíveis .

  A garotinha que um dia vestia lindos vestidos em suas bonecas , um dia cresceria , mas agora a boneca era ela à espera do seu lindo vestido e depois de pronta inciar o seu próprio Contos de Fadas .


















terça-feira, 26 de julho de 2011

Dia das Avós


É triste saber que hoje é dia da avó e não poder ter ao meu lado uma pessoa tão querida quanto foi a minha vó . É triste pensar que hoje eu não vou poder abraçá-la como era de costume . Então decidi escrever esse texto. Recordar através de palavras os momentos em que vivi ao lado de uma das mulheres mais incríveis que eu já conheci , minha querida : Maria José Sacramento dos Santos mais conhecida como:Zinha .


Dia de Domingo


Era um dia encantador. O sol brilhava no céu , pássaros cantavam , flores desabrochavam . Parecia uma tela feita por um pintor famoso . Cenário perfeito para um dia de domingo , tão perfeito que eu nem se quer imaginava que esse seria o último , é doloroso dizer isto , mas sim esse seria o último domingo que eu estaria com uma das pessoas mais importantes da minha vida , minha querida Vovozinha .

Lembro-me de cada instante segundos e minutos em que estive ao lado dela , principalmente aquele dia , com o seu olhar cheio de brilho, usando um vestido azulado ,combinando com aquele céu azul que hipnotizavam as pessoas só de olhar o seu infinito azul que transbordava paz e tranquilidade .

Aos poucos recordo-me do jeito dela , seja da maneira como se vestia , andava ou cozinhava . E por falar em cozinhar , que belas mãos de fada ela tinha para preparar comidas , costumava cozinhar : feijoada , caruru , arroz doce , pirão ,rabada, cuscuz , macaxeira , canjica . Ah ! Essa canjica já deu muito o que falar! Sorte a minha , que ainda tive tempo de  de ter apreciado no último domingo , a última e saborosa canjica .

Os momentos que passei ao lado dela apesar de curtos foram intensos , porque uma pessoa nunca morre quando está viva nas lembranças e recordações , principalmente quando essas recordações e lembranças foram intensamente vividas.








Avó ,Vó , Vovó , Vozinha , Voinha , Vovozona , Vovozuda , Vovozinha . Há tantas maneiras de chamar uma pessoa tão especial , né?

E que tal aproveitar essa pessoa tão especial e enchê - la de abraços , beijos , carinhos e curti cada momento ao seu lado ? Garanto será inesquecível .